SUSTENTABILIDADE

DF reaproveita galhos e folhas para agricultura

Projeto transforma restos de poda em material orgânico que protege o solo do Cerrado e melhora produção agrícolaA Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural do Distrito Federal (Seagri/DF) lançou um programa para reaproveitar galhos e folhas de poda de árvores do estado para proteger o solo do Cerrado e ajudar os produtores agrícolas locais.

Fonte: Fernando Carvalho/Arquivo Pessoal

Depois de triturados e passarem por processo de compostagem, os galhos e as folhas retirados das regiões administrativas viram cobertura morta, que contribui para a proteção e formação de matéria orgânica no solo, contribuindo para a manutenção de sistemas e cultivos agroflorestais.

– Esse material fica em repouso, dividido em pequenos montes, após ser triturado. Depois de compostado, é distribuído para propriedades rurais do Distrito Federal. Na terra, se decompõe e vira a chamada “terra preta”, rica em matéria orgânica, e ótima para o plantio. Neste processo, segura a umidade do solo e mantém vivo o ecossistema – explica o engenheiro agrônomo e diretor de Fomento à Agricultura Familiar da Seagri, Athaualpa Nazareth Costa.

Veja também: Embrapa divulga vídeo mostrando como fazer adubo orgânico 100% vegetal

O material, segundo ele, serve para recuperar solos cansados ou torna o terreno virgem ainda mais fértil.

Para o agricultor receber a forração orgânica em sua propriedade, ele precisa solicitar à Emater mais próxima de sua propriedade. As organizações de produtores também podem solicitar diretamente na diretoria de fomento, via ofício.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *