Início » Notícias da Agropecuária » Sites e Especiais » Soja Brasil » Soja: semana terá chuvas no Sudeste e Centro-Oeste e tempo seco no Sul

CLIMA

Soja: semana terá chuvas no Sudeste e Centro-Oeste e tempo seco no Sul

Os mapas meteorológicos mostram que as precipitações devem se concentrar agora na parte central do país, favorecendo o plantio da soja

08 de outubro de 2019 às 07h31
Por Daniel Popov, de São Paulo

Foto: Pixabay

As chuvas que vinham castigando o Sul do país, agora dão um tempo, favorecendo o plantio da soja. A semana deve permanecer seca na maioria dos estados de lá. Já no Sudeste, as chuvas chegaram e estacionaram, devendo durar a semana toda. Mesma condição enfrenta o Centro-Oeste. Confira abaixo as previsões para todas as regiões!

SUL

O Rio Grande do Sul deve registrar uma semana mais seca. Por lá, por enquanto, não há previsão de chuvas até sábado. Quase o mesmo acontece com Santa Catarina e Paraná, com a diferença que nesta terça alguns municípios ainda devem ter garoas, com acumulados de no máximo 3 mm. Depois disso, o tempo deve ficar seco e favorecer o plantio da soja.

SUDESTE

O Sudeste teve ter chuvas generalizadas desde esta terça, 8, até quinta-feira. Em São Paulo, por exemplo, os maiores acumulados acontecem na região de Ituverava, com 17 mm. Na quarta, a mesma região terá uma boa redução nos acumulados, que ficarão na casa dos 7 mm e na quinta, outros 8 mm. A sexta e o sábado, por enquanto, prometem ser dias secos em todo o estado.

Instagram

Em Minas Gerais, também chove de maneira generalizada, sendo que os maiores volumes serão vistos e, Uberaba (18 mm) nesta terça. Na quarta-feira, Pato de Minas e Araxá devem ter os maiores acumulados, com 16 mm cada um. Na quinta as precipitações perdem força e alguns municípios podem até não ter chuvas. Na sexta e no sábado o tempo seco deve predominar em todo o estado.

CENTRO-OESTE

Nesta terça-feira, em Mato Grosso do Sul, as precipitações ficam restritas a Chapadão do Sul, com 14 mm. Aliás estas chuvas devem se repetir, somente ali, até a quinta-feira, depois o tempo seco que afeta todo o estado também chega para lá.

Em Mato Grosso e Goiás a condição é diferente, chuvas generalizadas para todo o estado até a quinta-feira. Nesta terça os maiores acumulados acontecem em Alto Taquari-MT (15 mm) e Mineiros-GO (17 mm). Na quarta pé a vez de Goiânia (17 mm) e Alto Araguaia-MT (8 mm) que receberão mais chuvas.

Na quinta chove mais em Alto Taquari-MT (8 mm) e Itumbiara (8 mm). A partir de sexta o tempo firme predominará.

NORDESTE

As chuvas ainda não retornam esta semana para as áreas de soja do Nordeste brasileiro. Para piorar, por lá, as temperaturas seguem bastante elevadas, podem chegar facilmente nos 39ºC.

NORTE

Terça-feira de chuva sobre praticamente toda a região, mesmo que sejam pancadas rápidas, intercaladas com períodos de melhoria e ainda muito calor. É mantida a condição para trovoadas no sul do Tocantins. Ainda há potencial para descargas elétricas e acumulados significativos entre Amazonas e Pará. No Acre a chuva é mais fraca e isolada.

Na quarta-feira nada muda, a chuva ainda se espalha pela região Norte do Brasil, mesmo que de forma mal distribuída. Maiores acumulados e potencial para descargas elétricas ficam concentrados no estado de Rondônia, sul do Pará e Tocantins.

Na quinta-feira o tempo fica seco no leste do Tocantins mas chove desde Palmas até o Acre, em forma de pancadas rápidas e passageiras, de forma pontual. Sensação de tempo abafado na região.

Veja mais notícias sobre soja

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Sites e Especiais » Soja Brasil » Soja: semana terá chuvas no Sudeste e Centro-Oeste e tempo seco no Sul

CLIMA

Soja: semana terá chuvas no Sudeste e Centro-Oeste e tempo seco no Sul

Os mapas meteorológicos mostram que as precipitações devem se concentrar agora na parte central do país, favorecendo o plantio da soja

08 de outubro de 2019 às 07h31
Por Daniel Popov, de São Paulo

Foto: Pixabay

As chuvas que vinham castigando o Sul do país, agora dão um tempo, favorecendo o plantio da soja. A semana deve permanecer seca na maioria dos estados de lá. Já no Sudeste, as chuvas chegaram e estacionaram, devendo durar a semana toda. Mesma condição enfrenta o Centro-Oeste. Confira abaixo as previsões para todas as regiões!

SUL

O Rio Grande do Sul deve registrar uma semana mais seca. Por lá, por enquanto, não há previsão de chuvas até sábado. Quase o mesmo acontece com Santa Catarina e Paraná, com a diferença que nesta terça alguns municípios ainda devem ter garoas, com acumulados de no máximo 3 mm. Depois disso, o tempo deve ficar seco e favorecer o plantio da soja.

SUDESTE

O Sudeste teve ter chuvas generalizadas desde esta terça, 8, até quinta-feira. Em São Paulo, por exemplo, os maiores acumulados acontecem na região de Ituverava, com 17 mm. Na quarta, a mesma região terá uma boa redução nos acumulados, que ficarão na casa dos 7 mm e na quinta, outros 8 mm. A sexta e o sábado, por enquanto, prometem ser dias secos em todo o estado.

Instagram

Em Minas Gerais, também chove de maneira generalizada, sendo que os maiores volumes serão vistos e, Uberaba (18 mm) nesta terça. Na quarta-feira, Pato de Minas e Araxá devem ter os maiores acumulados, com 16 mm cada um. Na quinta as precipitações perdem força e alguns municípios podem até não ter chuvas. Na sexta e no sábado o tempo seco deve predominar em todo o estado.

CENTRO-OESTE

Nesta terça-feira, em Mato Grosso do Sul, as precipitações ficam restritas a Chapadão do Sul, com 14 mm. Aliás estas chuvas devem se repetir, somente ali, até a quinta-feira, depois o tempo seco que afeta todo o estado também chega para lá.

Em Mato Grosso e Goiás a condição é diferente, chuvas generalizadas para todo o estado até a quinta-feira. Nesta terça os maiores acumulados acontecem em Alto Taquari-MT (15 mm) e Mineiros-GO (17 mm). Na quarta pé a vez de Goiânia (17 mm) e Alto Araguaia-MT (8 mm) que receberão mais chuvas.

Na quinta chove mais em Alto Taquari-MT (8 mm) e Itumbiara (8 mm). A partir de sexta o tempo firme predominará.

NORDESTE

As chuvas ainda não retornam esta semana para as áreas de soja do Nordeste brasileiro. Para piorar, por lá, as temperaturas seguem bastante elevadas, podem chegar facilmente nos 39ºC.

NORTE

Terça-feira de chuva sobre praticamente toda a região, mesmo que sejam pancadas rápidas, intercaladas com períodos de melhoria e ainda muito calor. É mantida a condição para trovoadas no sul do Tocantins. Ainda há potencial para descargas elétricas e acumulados significativos entre Amazonas e Pará. No Acre a chuva é mais fraca e isolada.

Na quarta-feira nada muda, a chuva ainda se espalha pela região Norte do Brasil, mesmo que de forma mal distribuída. Maiores acumulados e potencial para descargas elétricas ficam concentrados no estado de Rondônia, sul do Pará e Tocantins.

Na quinta-feira o tempo fica seco no leste do Tocantins mas chove desde Palmas até o Acre, em forma de pancadas rápidas e passageiras, de forma pontual. Sensação de tempo abafado na região.

Veja mais notícias sobre soja

Deixe um Comentário





Mais Notícias