Início » Notícias da Agropecuária » Sites e Especiais » Soja Brasil » Especial Embrapa: veja 6 dicas para a implantação de lavouras de soja

MANUAL TÉCNICO

Especial Embrapa: veja 6 dicas para a implantação de lavouras de soja

Para ajudar os produtores de soja de todo o país, a entidade criou um manual completo, a pedido do Soja Brasil, para garantir uma boa safra

28 de agosto de 2019 às 14h00
Por Daniel Popov, de São Paulo

Faltando ainda menos de um mês até que o plantio da soja seja novamente autorizado a acontecer em diversos estados brasileiros, a Embrapa preparou a pedido do Projeto Soja Brasil um manual completo com dicas para garantir uma boa safra. A ideia é trazer dicas para que o sojicultor se prepare e consiga ter uma temporada ainda melhor que as anteriores.

A entidade ressalta antes de qualquer dica que a semeadura da soja não deve ser realizado em solo sem a umidade necessária, mesmo que haja previsão de chuvas posteriormente.

1 – Em solos muito argilosos, sugere-se semear 3 dias após a chuva; em solos mais leves pode ser 2 ou até 1 dia após a chuva, depende do volume precipitado.

2 – A população ideal de plantas por hectare varia entre as cultivares, mas fica próxima a 300 mil unidades, o que corresponde a 12 a 14 plantas por metro, semeadas em fileiras distantes de 45 a 50 centímetros entre elas.

3 – Em plantios muito antecipados, cuidado com a escolha da cultivar; nem todas se adaptam bem quando semeadas muito cedo.

4 – Uma mesma região pode apresentar diferentes altitudes e, em função disto, demandar cultivares com diferentes características.

5 – Por causa da temperatura do solo, é mais lenta a germinação da soja em grandes altitudes e latitudes.

6 – A soja “safrinha” não é permitida para evitar a dispersão e sobrevivência dos esporos da ferrugem. A alta exposição dos fungicidas e risco de surgimento de resistência é um dos principais motivos para esse impedimento, embora se reconheça que a semente produzida na safrinha poderia ser de melhor qualidade, por causa do clima seco e ameno na colheita.

Vale ressaltar que esta é apenas uma parte do manual completo da Embrapa abordando dicas desde o plantio até a colheita da cultura.

Faça aqui o download do manual completo!

Veja mais notícias sobre soja

1 comentário

  1. Nivaldo em 28 de agosto de 2019 às 13:56

    Muito bom esses chamativos a tempo e a hora

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Sites e Especiais » Soja Brasil » Especial Embrapa: veja 6 dicas para a implantação de lavouras de soja

MANUAL TÉCNICO

Especial Embrapa: veja 6 dicas para a implantação de lavouras de soja

Para ajudar os produtores de soja de todo o país, a entidade criou um manual completo, a pedido do Soja Brasil, para garantir uma boa safra

28 de agosto de 2019 às 14h00
Por Daniel Popov, de São Paulo

Faltando ainda menos de um mês até que o plantio da soja seja novamente autorizado a acontecer em diversos estados brasileiros, a Embrapa preparou a pedido do Projeto Soja Brasil um manual completo com dicas para garantir uma boa safra. A ideia é trazer dicas para que o sojicultor se prepare e consiga ter uma temporada ainda melhor que as anteriores.

A entidade ressalta antes de qualquer dica que a semeadura da soja não deve ser realizado em solo sem a umidade necessária, mesmo que haja previsão de chuvas posteriormente.

1 – Em solos muito argilosos, sugere-se semear 3 dias após a chuva; em solos mais leves pode ser 2 ou até 1 dia após a chuva, depende do volume precipitado.

2 – A população ideal de plantas por hectare varia entre as cultivares, mas fica próxima a 300 mil unidades, o que corresponde a 12 a 14 plantas por metro, semeadas em fileiras distantes de 45 a 50 centímetros entre elas.

3 – Em plantios muito antecipados, cuidado com a escolha da cultivar; nem todas se adaptam bem quando semeadas muito cedo.

4 – Uma mesma região pode apresentar diferentes altitudes e, em função disto, demandar cultivares com diferentes características.

5 – Por causa da temperatura do solo, é mais lenta a germinação da soja em grandes altitudes e latitudes.

6 – A soja “safrinha” não é permitida para evitar a dispersão e sobrevivência dos esporos da ferrugem. A alta exposição dos fungicidas e risco de surgimento de resistência é um dos principais motivos para esse impedimento, embora se reconheça que a semente produzida na safrinha poderia ser de melhor qualidade, por causa do clima seco e ameno na colheita.

Vale ressaltar que esta é apenas uma parte do manual completo da Embrapa abordando dicas desde o plantio até a colheita da cultura.

Faça aqui o download do manual completo!

Veja mais notícias sobre soja

1 comentário

  1. Nivaldo em 28 de agosto de 2019 às 13:56

    Muito bom esses chamativos a tempo e a hora

Deixe um Comentário





Mais Notícias