Início » Notícias da Agropecuária » Sites e Especiais » Soja Brasil » Banco aumenta em quase R$ 100 mil orçamento para construção de armazém

ARMAZENAGEM

Banco aumenta em quase R$ 100 mil orçamento para construção de armazém

Produtor aplicou para projeto em julho, mas até agora não conseguiu iniciar construçãoMesmo depois das promessas do governo federal em facilitar a construção de armazéns entre produtores, em algumas regiões, o projeto não sai do papel. É o caso do produtor Jaime Kives, de Erechim, no Rio Grande do Sul. Depois de fazer o pedido ao banco em julho deste ano, até agora, ele continua sem ter onde armazenar a produção.

10 de dezembro de 2013 às 18h08
Por Canal Rural

Kives conta que não consegue colocar seu projeto em prática, porque cada vez novas documentações são pedidas e os orçamentos reajustados:

– Em julho eu fiz o projeto com a indústria e ela me orçou a R$ 430 mil, aí no meio do tempo já passou para R$ 480 mil. E na semana passa recebi um e-mail onde me orçaram em R$ 520 mil o armazém.

Segundo ele, a justificativa do banco para tantas mudanças está no aumento do preço do aço.

Clique aqui para ver o vídeo

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Sites e Especiais » Soja Brasil » Banco aumenta em quase R$ 100 mil orçamento para construção de armazém

ARMAZENAGEM

Banco aumenta em quase R$ 100 mil orçamento para construção de armazém

Produtor aplicou para projeto em julho, mas até agora não conseguiu iniciar construçãoMesmo depois das promessas do governo federal em facilitar a construção de armazéns entre produtores, em algumas regiões, o projeto não sai do papel. É o caso do produtor Jaime Kives, de Erechim, no Rio Grande do Sul. Depois de fazer o pedido ao banco em julho deste ano, até agora, ele continua sem ter onde armazenar a produção.

10 de dezembro de 2013 às 18h08
Por Canal Rural

Kives conta que não consegue colocar seu projeto em prática, porque cada vez novas documentações são pedidas e os orçamentos reajustados:

– Em julho eu fiz o projeto com a indústria e ela me orçou a R$ 430 mil, aí no meio do tempo já passou para R$ 480 mil. E na semana passa recebi um e-mail onde me orçaram em R$ 520 mil o armazém.

Segundo ele, a justificativa do banco para tantas mudanças está no aumento do preço do aço.

Clique aqui para ver o vídeo

Deixe um Comentário





Mais Notícias