Radar

11 de setembro de 2019 às 15h51

Dólar reduz ganhos, mas sustenta queda atento ao exterior e fluxo

O dólar comercial reduziu as perdas, mas sustenta queda frente ao real, com poucas oscilações na segunda parte dos negócios, acompanhando o exterior, que apesar de misto, influência algumas das principais moedas de países emergentes que se valorizam frente à moeda estrangeira. No cenário local, na ausência de notícias, o fluxo corrobora para a queda.  Às 14h53 (de Brasília), a moeda estrangeira operava em queda de 0,87%, cotada a R$ 4,0610 para venda, depois de renovar mínimas a R$ 4,0530 (-1,07%), enquanto o contrato para outubro tinha queda de 0,52%, a R$ 4,0655. Lá fora, o Dollar Index tinha alta de 0,32%, aos 98,642 pontos. 

Para o diretor da Correparti, Ricardo Gomes, com a sessão esvaziada de notícias, o fluxo local reforça o viés baixista do dólar frente ao real. “Não há ruídos hoje”, diz. Ele acrescenta que o movimento do mercado lá fora, refletindo aqui, está “concentrado” na decisão de política monetária do Banco Central Europeu (BCE) amanhã. Investidores aguardam que o presidente da instituição, Mario Draghi, anuncie um pacote de medidas de estímulos para a zona do euro. “As medidas, que devem impulsionar o crescimento econômico e a inflação da zona do euro, podem incluir cortes de juros e a retomada de compras mensais de ativos”, comenta. 

Sobre os números do índice de preços ao produtor (PPI, na sigla inglês) dos Estados Unidos, em agosto, divulgados mais cedo, apesar de ficarem um pouco acima do esperado (+0,1%), ante previsão de estabilidade, Gomes diz que eles não dão pistas da condução do Fed na próxima semana. A aposta do mercado é de corte, reforçado pela equipe da Capital Economics de 0,25 ponto percentual (pp). “Os dados ainda não se deterioraram o suficiente para justificar uma mudança maior de 50 pp, embora esperemos uma desaceleração gradual do crescimento econômico nos próximos meses”, avalia.

Leia mais notícias no RADAR

21/10/2019 às 18h10

Milho: colheita dos EUA continua atrasada mas condição das lavouras melhorou

Até o domingo, 20, os produtores americanos colheram 30% da plantada com milho, segundo relatório do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), divulgado nesta -

Leia Mais
21/10/2019 às 17h59

Soja nos EUA: colheita avança e qualidade das lavouras está acima do esperado

Até o domingo, 20, os produtores americanos colheram 46% da área plantada com soja, projeta o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), em relatório -

Leia Mais
21/10/2019 às 17h33

Milho: preço recua quase 1% em Chicago com exportações fracas nos EUA

O milho fechou esta segunda-feira, 21, com baixa na Bolsa de Chicago. Segundo a consultoria Safras, o mercado refletiu o fraco desempenho das inspeções de -

Leia Mais
21/10/2019 às 17h22

Soja: Chicago fecha em baixa apesar de preocupação com clima nos EUA

A soja fechou esta segunda-feira, 21, com baixa na Bolsa de Chicago. Segundo a consultoria Safras, em dia volátil, o mercado foi pressionado por fatores -

Leia Mais
21/10/2019 às 17h18

Volume de carne suína exportada está quase 20% maior em outubro

O Brasil exportou 41,1 mil toneladas de carne suína in natura no acumulado de outubro (14 dias úteis), média diária de 2,9 mil toneladas, segundo -

Leia Mais
21/10/2019 às 17h10

Carne bovina: Brasil já ganhou US$ 476,4 milhões com embarques em outubro

O Brasil exportou 108,4 mil toneladas de carne bovina in natura no acumulado de outubro (14 dias úteis), média diária de 7,7 mil toneladas, segundo -

Leia Mais
21/10/2019 às 17h02

Milho: exportação aumenta 95% em relação ao mesmo período de 2018

O Brasil exportou 3,872 milhões de toneladas de milho no acumulado de outubro (14 dias úteis), média diária de 276,6 mil toneladas, segundo informações do -

Leia Mais
21/10/2019 às 16h56

Soja: receita com exportações cresce 5,2% em outubro

O Brasil exportou 3,102 milhões de toneladas de soja em grão no acumulado de outubro (14 dias úteis), média diária de 221,6 mil toneladas, segundo -

Leia Mais
21/10/2019 às 16h20

Ministra da Agricultura nomeia novo diretor de Regularização Fundiária

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, nomeou Rodolfo Oliveira Nogueira para o cargo de diretor do Departamento de Regularização Fundiária, um dos mais importantes da -

Leia Mais
21/10/2019 às 15h30

Soja: atrasado, plantio em Rio Verde (GO) atinge 12% da área

O plantio de soja em Rio Verde, no sudoeste de Goiás, atingia cerca de 12% da área estimada de 400 mil hectares até semana passada, -

Leia Mais

Radar

11 de setembro de 2019 às 15h51

Dólar reduz ganhos, mas sustenta queda atento ao exterior e fluxo

O dólar comercial reduziu as perdas, mas sustenta queda frente ao real, com poucas oscilações na segunda parte dos negócios, acompanhando o exterior, que apesar de misto, influência algumas das principais moedas de países emergentes que se valorizam frente à moeda estrangeira. No cenário local, na ausência de notícias, o fluxo corrobora para a queda.  Às 14h53 (de Brasília), a moeda estrangeira operava em queda de 0,87%, cotada a R$ 4,0610 para venda, depois de renovar mínimas a R$ 4,0530 (-1,07%), enquanto o contrato para outubro tinha queda de 0,52%, a R$ 4,0655. Lá fora, o Dollar Index tinha alta de 0,32%, aos 98,642 pontos. 

Para o diretor da Correparti, Ricardo Gomes, com a sessão esvaziada de notícias, o fluxo local reforça o viés baixista do dólar frente ao real. “Não há ruídos hoje”, diz. Ele acrescenta que o movimento do mercado lá fora, refletindo aqui, está “concentrado” na decisão de política monetária do Banco Central Europeu (BCE) amanhã. Investidores aguardam que o presidente da instituição, Mario Draghi, anuncie um pacote de medidas de estímulos para a zona do euro. “As medidas, que devem impulsionar o crescimento econômico e a inflação da zona do euro, podem incluir cortes de juros e a retomada de compras mensais de ativos”, comenta. 

Sobre os números do índice de preços ao produtor (PPI, na sigla inglês) dos Estados Unidos, em agosto, divulgados mais cedo, apesar de ficarem um pouco acima do esperado (+0,1%), ante previsão de estabilidade, Gomes diz que eles não dão pistas da condução do Fed na próxima semana. A aposta do mercado é de corte, reforçado pela equipe da Capital Economics de 0,25 ponto percentual (pp). “Os dados ainda não se deterioraram o suficiente para justificar uma mudança maior de 50 pp, embora esperemos uma desaceleração gradual do crescimento econômico nos próximos meses”, avalia.

Leia mais notícias no RADAR

veja também

21/10/2019 às 20h34

Pecuária brasileira pode crescer 20% ao ano, aponta levantamento

Segundo coordenador do instituto responsável pela pesquisa, a atividade ainda funciona em pequena escala no Brasil, mas é muito promissora

Leia Mais
21/10/2019 às 20h30

Governo corta 57% do orçamento para assistência técnica e extensão rural

Segundo o secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo, a redução põe em risco não só os programas planejados, mas também os que estão em andamento

Leia Mais
21/10/2019 às 20h28

Cooxupé: 50 produtores de café disputam prêmio de R$ 190 mil

Os melhores grãos da safra 2019 serão divulgados ainda esta semana

Leia Mais
21/10/2019 às 20h27

Como a Selic no menor patamar da história afeta o agro? Daoud responde

A taxa básica de juros deve chegar a 4,5% este ano e, segundo o ex-presidente do Banco Central, o novo patamar veio para ficar

Leia Mais
21/10/2019 às 20h25

Milho: produtor deve vender apenas o necessário, recomendam analistas

Forte demanda e quebra da safra americana têm feito o grão se valorizar na Bolsa de Chicago e no Brasil

Leia Mais
21/10/2019 às 20h09

Estados do Sul e do Sudeste discutem integrar políticas públicas

Segundo o governador de Santa Catarina, Carlos Moisés, a intenção é fortalecer as ações de defesa sanitária animal e vegetal nos estados

Leia Mais
21/10/2019 às 19h38

Soja tem preços firmes e negócios se concentram na região Sul

Poucos negócios foram realizados, com exceção do Paraná e do Rio Grande do Sul, onde 100 mil toneladas trocaram de mãos em cada estado

Leia Mais
21/10/2019 às 15h37

Insumos: CNA e Conab testam leilões para baratear custos no Norte

Segundo assessor técnico da confederação, o piloto será feito em Manaus (AM) e ampliado para o resto da região caso dê certo

Leia Mais
21/10/2019 às 15h26

Lavouras dos EUA podem ser atingidas por mais neve nos próximos dias

Máquinas agrícola estão atoladas porque derretimento de neve elevou umidade do solo

Leia Mais
21/10/2019 às 15h20

‘Bolsonaro deve ter grandes desafios em viagem à Ásia e ao Oriente Médio’

Para Miguel Daoud, presidente deve enfrentar entrave sobre telefonia com China, mudança da embaixada brasileira em Israel e suspensão importação de frango

Leia Mais