Início » Notícias da Agropecuária » Programas » Informação » Rural Notícias » Nestlé e McDonald’s anunciam investimentos em hambúrgueres vegetais

PROTEÍNAS DE LABORATÓRIO

Nestlé e McDonald’s anunciam investimentos em hambúrgueres vegetais

Comentarista Miguel Daoud fala sobre o impacto das novas tendências  de consumo sobre os produtores rurais

27 de setembro de 2019 às 19h26
Por Canal Rural

Nesta sexta-feira, 27, a multinacional Nestlé informou que vai expandir a linha de alimentos à base de plantas nos Estados Unidos e na Suíça, com o lançamento de hambúrgueres para atender o crescente mercado de produtos veganos e vegetarianos. A gigante dos fast foods McDonald’s, por sua vez, anunciou que vai testar durante 12 semanas a venda de hambúrgueres à base de plantas.  

Para o comentarista Miguel Daoud, o mercado pecuário não tem com o que se preocupar no momento. Segundo ele, as mudanças na oferta de produtos sem proteína animal não anula o consumo de carne. Daoud acredita que a preocupação real deveria ser em torno do preço dos novos produtos. “Existem países em que as pessoas passam fome, não pela falta de comida, mas pela falta de dinheiro”, diz.

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Programas » Informação » Rural Notícias » Nestlé e McDonald’s anunciam investimentos em hambúrgueres vegetais

PROTEÍNAS DE LABORATÓRIO

Nestlé e McDonald’s anunciam investimentos em hambúrgueres vegetais

Comentarista Miguel Daoud fala sobre o impacto das novas tendências  de consumo sobre os produtores rurais

27 de setembro de 2019 às 19h26
Por Canal Rural

Nesta sexta-feira, 27, a multinacional Nestlé informou que vai expandir a linha de alimentos à base de plantas nos Estados Unidos e na Suíça, com o lançamento de hambúrgueres para atender o crescente mercado de produtos veganos e vegetarianos. A gigante dos fast foods McDonald’s, por sua vez, anunciou que vai testar durante 12 semanas a venda de hambúrgueres à base de plantas.  

Para o comentarista Miguel Daoud, o mercado pecuário não tem com o que se preocupar no momento. Segundo ele, as mudanças na oferta de produtos sem proteína animal não anula o consumo de carne. Daoud acredita que a preocupação real deveria ser em torno do preço dos novos produtos. “Existem países em que as pessoas passam fome, não pela falta de comida, mas pela falta de dinheiro”, diz.

Deixe um Comentário





Mais Notícias

Sorry, we couldn't find any posts. Please try a different search.