Início » Notícias da Agropecuária » Programas » Informação » Rural Notícias » EUA podem perder 1 mi de toneladas de soja e 10 mi de toneladas milho

PREJUDICADO POR NEVE E GEADA

EUA podem perder 1 mi de toneladas de soja e 10 mi de toneladas milho

Lavouras americanas foram atingidas por neve e geada no último fim de semana. Analista diz que mercado ainda não precificou toda a perda

18 de outubro de 2019 às 20h09
Por Canal Rural

Os Estados Unidos podem perder até 1 milhão de toneladas de soja e 10 milhões de toneladas de milho por causa da neve e da geada que atingiram lavouras no último fim de semana, afirma o analista da INTL FCStone Jonas Pizatto.

“É complicado ter noção do tamanho da perda. Só saberemos realmente quando o produtor americano colocar a máquinas em campo para colher. O mercado já está olhando para isso e precificando a perda, mas não toda”, diz.

Pizatto recomenda que o produtor brasileiro avance na comercialização da safra, já que, segundo ele, o mercado pode sofrer uma reviravolta rapidamente. “Se o acordo da China com os Estados Unidos sair do papel e os chineses comprarem o volume previsto, o Brasil será influenciado”, diz.

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Programas » Informação » Rural Notícias » EUA podem perder 1 mi de toneladas de soja e 10 mi de toneladas milho

PREJUDICADO POR NEVE E GEADA

EUA podem perder 1 mi de toneladas de soja e 10 mi de toneladas milho

Lavouras americanas foram atingidas por neve e geada no último fim de semana. Analista diz que mercado ainda não precificou toda a perda

18 de outubro de 2019 às 20h09
Por Canal Rural

Os Estados Unidos podem perder até 1 milhão de toneladas de soja e 10 milhões de toneladas de milho por causa da neve e da geada que atingiram lavouras no último fim de semana, afirma o analista da INTL FCStone Jonas Pizatto.

“É complicado ter noção do tamanho da perda. Só saberemos realmente quando o produtor americano colocar a máquinas em campo para colher. O mercado já está olhando para isso e precificando a perda, mas não toda”, diz.

Pizatto recomenda que o produtor brasileiro avance na comercialização da safra, já que, segundo ele, o mercado pode sofrer uma reviravolta rapidamente. “Se o acordo da China com os Estados Unidos sair do papel e os chineses comprarem o volume previsto, o Brasil será influenciado”, diz.

Deixe um Comentário





Mais Notícias

Sorry, we couldn't find any posts. Please try a different search.