Início » Notícias da Agropecuária » Programas » Informação » Rural Notícias » Café: chuva favorece florada mas ainda não garante produção, diz Cepea

ANÁLISE

Café: chuva favorece florada mas ainda não garante produção, diz Cepea

De acordo com pesquisador da entidade, mesmo com problemas iniciais, safra deve trazer oferta razoável de grãos, pressionando os preços

09 de outubro de 2019 às 20h12
Por Canal Rural

Cafeicultores já começam a ter uma ideia de como será a próxima safra, com o surgimento da florada nos cafezais. De acordo com o pesquisador do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) Renato Garcia Ribeiro, as flores já haviam surgido em algumas áreas, mas as principais regiões produtoras de Minas Gerais e da Mogiana paulista ainda necessitavam de mais chuva para acontecer. “E ainda é preciso de mais chuvas para que essa florada vingue e a próxima safra venha de forma satisfatória”, diz.

Em relação às cotações, Ribeiro afirma que, até a semana passada, o mercado ainda refletia o atraso das chuvas e a espera da florada. Com o novo cenário, as cotações vêm recuando,. Segundo o pesquisador, a expectativa é de que os preços futuros se mantenham próximos a esses patamares, já que, mesmo com os problemas iniciais, a safra deve trazer uma oferta razoável de café, pressionando os preços nos próximos meses. “Caso tenhamos outros problemas climáticos, podemos ter uma reversão desse quadro mais pessimista e isso se refletir em preços mais altos”, afirma.

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Programas » Informação » Rural Notícias » Café: chuva favorece florada mas ainda não garante produção, diz Cepea

ANÁLISE

Café: chuva favorece florada mas ainda não garante produção, diz Cepea

De acordo com pesquisador da entidade, mesmo com problemas iniciais, safra deve trazer oferta razoável de grãos, pressionando os preços

09 de outubro de 2019 às 20h12
Por Canal Rural

Cafeicultores já começam a ter uma ideia de como será a próxima safra, com o surgimento da florada nos cafezais. De acordo com o pesquisador do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) Renato Garcia Ribeiro, as flores já haviam surgido em algumas áreas, mas as principais regiões produtoras de Minas Gerais e da Mogiana paulista ainda necessitavam de mais chuva para acontecer. “E ainda é preciso de mais chuvas para que essa florada vingue e a próxima safra venha de forma satisfatória”, diz.

Em relação às cotações, Ribeiro afirma que, até a semana passada, o mercado ainda refletia o atraso das chuvas e a espera da florada. Com o novo cenário, as cotações vêm recuando,. Segundo o pesquisador, a expectativa é de que os preços futuros se mantenham próximos a esses patamares, já que, mesmo com os problemas iniciais, a safra deve trazer uma oferta razoável de café, pressionando os preços nos próximos meses. “Caso tenhamos outros problemas climáticos, podemos ter uma reversão desse quadro mais pessimista e isso se refletir em preços mais altos”, afirma.

Deixe um Comentário





Mais Notícias

Sorry, we couldn't find any posts. Please try a different search.