Home » Programas » Informação » Rural Notícias » Avicultura: preços de insumos caem mas não causam grande impacto

MOMENTO CEPEA

Avicultura: preços de insumos caem mas não causam grande impacto

De acordo com a pesquisadora Maristela Martins, o poder de compra do avicultor no acumulado do ano está melhor do que no mesmo período de 2018

14 de agosto de 2019 às 16h46
Por Canal Rural

Os preços dos principais insumos na produção de frango, como milho e farelo de soja, mostraram queda na maior parte das regiões acompanhados pelo Cepea. Mas, segundo a pesquisadora da entidade, Maristela Martins, o “poder de compra do avicultor no acumulado do ano está melhor do que no mesmo período de 2018.”

Maristela aponta os problemas de exportação que ocorreram no ano passado e que, por conta disso, os preços dos insumos estavam mais altos, o que dificultou a vida do avicultor. “Como as exportações estão favoráveis esse ano, elas impulsionaram os preços”, afirma ela.

Para a pesquisadora, o preço para quem não exporta e compra frango vivo também está maior, portanto “é necessário vender a carne, o produto abatido, por um preço também maior pra compensar essa alta no frango vivo”.

Consumo e exportação

Maristela também explica que houve uma redução no consumo em julho, especificamente. Segundo ela, as vendas foram mais fracas por conta das férias escolares, já que  o frango é consumido na merenda escolar, e também por conta das temperaturas mais amenas.

Para o segundo semestre, a pesquisadora aponta que as exportações tendem a continuar bastante elevadas. “Esse ano a gente viu a China comprando muita carne de frango do Brasil e isso tende a continuar acontecendo porque ela precisa da proteína para abastecer o mercado local, já que os casos de peste suína africana dizimaram o rebanho do país”, conclui Maristela.

Deixe um Comentário





Sorry, we couldn't find any posts. Please try a different search.

Home » Programas » Informação » Rural Notícias » Avicultura: preços de insumos caem mas não causam grande impacto

MOMENTO CEPEA

Avicultura: preços de insumos caem mas não causam grande impacto

De acordo com a pesquisadora Maristela Martins, o poder de compra do avicultor no acumulado do ano está melhor do que no mesmo período de 2018

14 de agosto de 2019 às 16h46
Por Canal Rural

Os preços dos principais insumos na produção de frango, como milho e farelo de soja, mostraram queda na maior parte das regiões acompanhados pelo Cepea. Mas, segundo a pesquisadora da entidade, Maristela Martins, o “poder de compra do avicultor no acumulado do ano está melhor do que no mesmo período de 2018.”

Maristela aponta os problemas de exportação que ocorreram no ano passado e que, por conta disso, os preços dos insumos estavam mais altos, o que dificultou a vida do avicultor. “Como as exportações estão favoráveis esse ano, elas impulsionaram os preços”, afirma ela.

Para a pesquisadora, o preço para quem não exporta e compra frango vivo também está maior, portanto “é necessário vender a carne, o produto abatido, por um preço também maior pra compensar essa alta no frango vivo”.

Consumo e exportação

Maristela também explica que houve uma redução no consumo em julho, especificamente. Segundo ela, as vendas foram mais fracas por conta das férias escolares, já que  o frango é consumido na merenda escolar, e também por conta das temperaturas mais amenas.

Para o segundo semestre, a pesquisadora aponta que as exportações tendem a continuar bastante elevadas. “Esse ano a gente viu a China comprando muita carne de frango do Brasil e isso tende a continuar acontecendo porque ela precisa da proteína para abastecer o mercado local, já que os casos de peste suína africana dizimaram o rebanho do país”, conclui Maristela.

Deixe um Comentário





Mais Notícias

Sorry, we couldn't find any posts. Please try a different search.