DEMANDA ASIÁTICA

Preocupação com peste suína na China faz prêmio da soja recuar nos portos 

Segundo a consultoria INTL FCStone, a programação de chegada de navios em maior já está menor

Os prêmios da soja no porto de Paranaguá (PR) estão em queda, com isso, os produtores brasileiros seguem retraídos na comercialização da safra.

O diretor de commodities da consultoria INTL FCStone, Glauco Monte, comenta que o prêmio nos portos estão em queda há pelo menos 20 dias. “O prêmio está relacionado a uma demanda de exportação e existe uma grande preocupação com a demanda da China, principalmente com a questão da peste suína”, comenta.

Segundo ele, o line up dos portos em maio, ou seja, a programação de chegada de navios, já está menor. Isso também acontece com os prêmios nos portos dos Estados Unidos e Argentina, que também estão mais baixos na comparação com o mesmo período do ano passado.

“Reduzindo a demanda chinesa, há menos demanda no porto, e menos navios, o que leva a uma pressão baixista sobre os prêmios”, enfatiza.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Um comentário em “Preocupação com peste suína na China faz prêmio da soja recuar nos portos 

css.php
Assine grátis a melhor newsletter sobre agronegócios do Brasil