banner-3

PROTESTOS

Movimentos organizam atos a favor e contra propostas do governo

Grupos de caminhoneiros também falam em mobilização em Brasília no próximo dia 19

14 de maio de 2019 às 13h50
Por Canal Rural

Movimentos de diversos setores se organizam para mobilizações pelo país nos próximos dias. Nesta quarta-feira, dia 15, a Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação deve realizar protestos contra os cortes de verbas para educação, anunciados na semana passada pelo ministro da Educação Abraham Weintraub, e também contra a reforma da Previdência.

Grupos de caminhoneiros também falam em uma mobilização contra o governo no próximo dia 19. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, o grupo deve realizar um ato em frente ao estádio Mané Garrincha, em Brasília, para mostrar a insatisfação com o reajuste de 2,5% no preço do diesel, anunciada pela Petrobras no início do mês.

Já em defesa das medidas propostas pelo governo, agricultores e pecuaristas de diversas regiões devem realizar na próxima quinta-feira, dia 16, ato em Brasília a favor da aprovação das reformas da Previdência e tributária e do pacote anti-crime. “A esquerda não entendeu que eles perderam a eleição e querem desestabilizar o governo Bolsonaro”, afirma João Batista Olivi.

2 comentários

  1. […] 14 de maio de 201914 de maio de 2019 às 13:50 […]

  2. […] 14 de maio de 201914 de maio de 2019 às 13:50 […]

Deixe um Comentário





banner-3

PROTESTOS

Movimentos organizam atos a favor e contra propostas do governo

Grupos de caminhoneiros também falam em mobilização em Brasília no próximo dia 19

14 de maio de 2019 às 13h50
Por Canal Rural

Movimentos de diversos setores se organizam para mobilizações pelo país nos próximos dias. Nesta quarta-feira, dia 15, a Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação deve realizar protestos contra os cortes de verbas para educação, anunciados na semana passada pelo ministro da Educação Abraham Weintraub, e também contra a reforma da Previdência.

Grupos de caminhoneiros também falam em uma mobilização contra o governo no próximo dia 19. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, o grupo deve realizar um ato em frente ao estádio Mané Garrincha, em Brasília, para mostrar a insatisfação com o reajuste de 2,5% no preço do diesel, anunciada pela Petrobras no início do mês.

Já em defesa das medidas propostas pelo governo, agricultores e pecuaristas de diversas regiões devem realizar na próxima quinta-feira, dia 16, ato em Brasília a favor da aprovação das reformas da Previdência e tributária e do pacote anti-crime. “A esquerda não entendeu que eles perderam a eleição e querem desestabilizar o governo Bolsonaro”, afirma João Batista Olivi.

2 comentários

  1. […] 14 de maio de 201914 de maio de 2019 às 13:50 […]

  2. […] 14 de maio de 201914 de maio de 2019 às 13:50 […]

Deixe um Comentário