Início » Notícias da Agropecuária » Programas » Informação » Bancada Rural » China: agro do Brasil não precisa entrar em pânico

China: agro do Brasil não precisa entrar em pânico

O ano começou com uma nuvem de incertezas pairando sobre a segunda maior economia do planeta: a China, principal destino das exportações do agronegócio brasileiro. Para discutir o assunto, o Bancada Rural deste sábado recebe o economista e pesquisador da GV Agro, Felippe Serigatti, o comentarista Miguel Daoud, a superintendente interina de Relações Internacionais da…

16 de janeiro de 2016 às 19h00
Por

O ano começou com uma nuvem de incertezas pairando sobre a segunda maior economia do planeta: a China, principal destino das exportações do agronegócio brasileiro. Para discutir o assunto, o Bancada Rural deste sábado recebe o economista e pesquisador da GV Agro, Felippe Serigatti, o comentarista Miguel Daoud, a superintendente interina de Relações Internacionais da Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Camila Sande e o diretor da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-China, Kevin Tang.

CATEGORIAS:

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Programas » Informação » Bancada Rural » China: agro do Brasil não precisa entrar em pânico

China: agro do Brasil não precisa entrar em pânico

O ano começou com uma nuvem de incertezas pairando sobre a segunda maior economia do planeta: a China, principal destino das exportações do agronegócio brasileiro. Para discutir o assunto, o Bancada Rural deste sábado recebe o economista e pesquisador da GV Agro, Felippe Serigatti, o comentarista Miguel Daoud, a superintendente interina de Relações Internacionais da…

16 de janeiro de 2016 às 19h00
Por

O ano começou com uma nuvem de incertezas pairando sobre a segunda maior economia do planeta: a China, principal destino das exportações do agronegócio brasileiro. Para discutir o assunto, o Bancada Rural deste sábado recebe o economista e pesquisador da GV Agro, Felippe Serigatti, o comentarista Miguel Daoud, a superintendente interina de Relações Internacionais da Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Camila Sande e o diretor da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-China, Kevin Tang.

CATEGORIAS:

Deixe um Comentário





Mais Notícias