DEFESA SANITÁRIA

RS busca alternativa para descartar animais mortos

Todo ano o Brasil produz mais de um milhão de toneladas de animais mortos, ou seja, que não foram abatidos na indústria. No Rio Grande do Sul, setor produtivo e defesa sanitária animal propõem nova alternativa para a carcaça de animais que morrem nas propriedades. O assunto está sendo discutido também no Ministério da Agricultura.

Todo ano o Brasil produz mais de um milhão de toneladas de animais mortos, ou seja, que não foram abatidos na indústria. No Rio Grande do Sul, setor produtivo e defesa sanitária animal propõem nova alternativa para a carcaça de animais que morrem nas propriedades. O assunto está sendo discutido também no Ministério da Agricultura.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *