MERCADO AGRÍCOLA

Preço do trigo sobe 18% em maio

Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), a baixa oferta do produto e o clima influenciaram a alta

Fonte: Pexels

As cotações do trigo no Brasil apresentaram fortes altas, especialmente em regiões consumidoras acompanhadas pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

Em São Paulo, a disponibilidade é baixa e muitas indústrias precisam de grão para processar e atender contratos. Além da demanda, o clima também tem influenciado as altas internas. As chuvas, ainda que pontuais, retornaram nas regiões Sul e Sudeste do país, trazendo alívio para alguns produtores.

Especialmente no Paraná, a precipitação ainda não foi suficiente para suprir os problemas ocasionados pela escassez das últimas semanas, mas colaboradores do Cepea ressaltam que há previsão de chuvas para os próximos dias.

Preços

No Rio Grande do Sul, a tonelada do produto é comercializada, em média, a R$ 852,56. No mês, a alta é de 18,5%. No Paraná, o preço médio do trigo alcançou R$ 976,78 por tonelada, com acumulado de 18,7% em maio.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *