MERCADO

Preço do trigo registra alta de 3,6% em um mês

Baixa nos estoques de boa qualidade e demanda aquecida impulsionaram o valor do cereal

Fonte: Antonio Costa/AENPr

Os preços do trigo em grão estão em alta na maioria das regiões acompanhadas pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), devido aos menores estoques do cereal de boa qualidade no Sul do Brasil e à demanda aquecida e ao aumento no valor do transporte no Sudeste.

O indicador Cepea/Esalq para o Paraná fechou a segunda, dia 4, com média de R$ 650,94, alta de 3,57% no comparativo com o dia 3 de novembro. No Rio Grande do Sul, as cotações cresceram 2,26% no mesmo período, passando de R$ 566,50 para R$ 579,57.

Por outro lado, a baixa liquidez e a necessidade de moinhos de escoar os produtos do armazém têm pressionado, de modo geral, os valores dos derivados.

Quanto à colheita da safra 2017/18, no Paraná, as atividades estão praticamente finalizadas. Das lavouras que ainda estão no campo, segundo o Departamento de Economia Rural da Secretaria da Agricultura e Abastecimento (Deral/Seab), 65% apresentam condições boas, 28%, médias e 8%, ruins – informações até o dia 27 de novembro.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *