Início » Notícias da Agropecuária » Notícias » Pecuária » Leite » Selo Arte é a independência do produtor artesanal brasileiro, diz Aprocan

CELEBRAÇÃO

Selo Arte é a independência do produtor artesanal brasileiro, diz Aprocan

O presidente da Associação dos Produtores de Queijo Canastra (Aprocan), João Carlos Leite, participou da cerimônia em que foi regulamentado o Selo Arte, que permitirá a venda interestadual de alimentos artesanais. Ele classificou a medida como “a independência dos produtores artesanais do Brasil”. Segundo o representante da Aprocan, o selo tira o segmento da clandestinidade.…

18 de julho de 2019 às 17h06
Por Canal Rural

O presidente da Associação dos Produtores de Queijo Canastra (Aprocan), João Carlos Leite, participou da cerimônia em que foi regulamentado o Selo Arte, que permitirá a venda interestadual de alimentos artesanais. Ele classificou a medida como “a independência dos produtores artesanais do Brasil”.

Segundo o representante da Aprocan, o selo tira o segmento da clandestinidade. “Depois do esforço de muita gente honrada, corrigimos uma grande injustiça. O país reconhece a segurança e valor agregado da produção. Vencemos os sentimentos de vergonha e miudeza enfrentados por 180 mil famílias que vivem desses produtos”, declarou Leite.

1 comentário

  1. Juarez de Paula em 21 de julho de 2019 às 06:33

    Existe tanto desperdício de alimentos, por exigências burocráticas, em nome de “segurança” alimentar, que durante décadas tiraram a lucratividade dos pequenos produtores, muitos já abandonaram a atividade. Bom começo. Vamos em frente. PARABÉNS! São inumeros produtos que precisam voltar ao mercado de “cabeça erguida”.

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Notícias » Pecuária » Leite » Selo Arte é a independência do produtor artesanal brasileiro, diz Aprocan

CELEBRAÇÃO

Selo Arte é a independência do produtor artesanal brasileiro, diz Aprocan

O presidente da Associação dos Produtores de Queijo Canastra (Aprocan), João Carlos Leite, participou da cerimônia em que foi regulamentado o Selo Arte, que permitirá a venda interestadual de alimentos artesanais. Ele classificou a medida como “a independência dos produtores artesanais do Brasil”. Segundo o representante da Aprocan, o selo tira o segmento da clandestinidade.…

18 de julho de 2019 às 17h06
Por Canal Rural

O presidente da Associação dos Produtores de Queijo Canastra (Aprocan), João Carlos Leite, participou da cerimônia em que foi regulamentado o Selo Arte, que permitirá a venda interestadual de alimentos artesanais. Ele classificou a medida como “a independência dos produtores artesanais do Brasil”.

Segundo o representante da Aprocan, o selo tira o segmento da clandestinidade. “Depois do esforço de muita gente honrada, corrigimos uma grande injustiça. O país reconhece a segurança e valor agregado da produção. Vencemos os sentimentos de vergonha e miudeza enfrentados por 180 mil famílias que vivem desses produtos”, declarou Leite.

1 comentário

  1. Juarez de Paula em 21 de julho de 2019 às 06:33

    Existe tanto desperdício de alimentos, por exigências burocráticas, em nome de “segurança” alimentar, que durante décadas tiraram a lucratividade dos pequenos produtores, muitos já abandonaram a atividade. Bom começo. Vamos em frente. PARABÉNS! São inumeros produtos que precisam voltar ao mercado de “cabeça erguida”.

Deixe um Comentário





Mais Notícias