SETOR DE AVES

Funcionários da BRF em SC aprovam suspensão temporária de contratos

Durante assembleia, trabalhadores apresentaram a contraproposta à empresa, com demandas para garantir estabilidade nesse período

Foto: Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

O Sindicato das Carnes e Derivados de Chapecó (Sitracarnes-SC) apresentou a contraproposta dos trabalhadores da BRF no município, para fechar o acordo de suspensão temporária de contratos, também conhecido como lay-off. Em assembleia, após ajustes, a proposta foi votada e aprovada nesta terça, dia 10.

Para ajustar os estoques da companhia, aproximadamente 1,4 mil colaboradores da linha de abate e processamento de frangos e áreas devem ser dispensados momentaneamente. A medida, prevista para entrar em vigor em 29 de agosto, pode durar até cinco meses.

Durante a lay-off, os trabalhadores receberão uma bolsa auxílio no valor de 80% do salário, paga pelo Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) do governo federal. Abaixo, confira os demais benefícios e condições que serão concedidos ou mantidos durante a suspensão:

Em nota, a BRF ressalta que a unidade segue em funcionamento e deve voltar a operar normalmente após este período. “Os investimentos destinados a melhorias locais serão mantidos e os termos contratuais vigentes serão honrados junto aos atuais integrados”, afirma.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *