CINCO FRIGORÍFICOS

Arábia Saudita cancela importações de carne de frango do Brasil

País árabe lidera o ranking de compradores do produto brasileiro, representando 14% do nosso mercado; motivo da suspensão não foi divulgado

frigorífico
Foto: Agência Brasil

A Arábia Saudita suspendeu as importações de carne de frango de cinco unidades frigoríficas do Brasil. O país árabe lidera o ranking de compradores do produto brasileiro, com cerca de 550 mil toneladas a 600 mil toneladas ao ano, o que representa 14% do nosso mercado.

A informação do cancelamento foi confirmada pelo presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Francisco Turra. Segundo ele, ainda não houve um comunicado oficial, no entanto, a suspensão foi confirmada por representantes do Brasil nos países árabes. “Eles não alegaram motivo de sanidade. Por hora, não há informação disso ainda”, comentou.

Apesar de não confirmada, a medida pode ser uma das primeiras barreiras após o presidente Jair Bolsonaro sinalizar a transferência da embaixada brasileira para Jerusalém.

‘Mudar embaixada do Brasil em Israel para Jerusalém é uma atitude corajosa’

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


13 comentário em “Arábia Saudita cancela importações de carne de frango do Brasil

  1. Claro que com governo sério, a solução é PROIBIR TODA A EXPORTAÇÃO de aves para tal país, reduzir a produção interna, procurar novos mercados, afinal, interferir na política externa do BRASIL, era possível no tempo do TOMA LA DA CÁ, né…

  2. O problema não são os árabes, criatura. Eles estão mais do que certos em fazer retaliação à esse demente que vocês elegeram. Aguardando os próximos boicotes!

  3. Atitude corajosa, uma ova! Esse Bozo só faz besteira para tentar agradar seu patrão, oTrump. Quem paga a conta somos nós, que avisamos, e os trouxas cegos que o apoiam. Que tristeza!

  4. A notícia é boa! Sinal que o preço da carne de frango no mercado interno vai cair nos próximos meses! O strogonoff vai ficar mais barato que o bifinho!

css.php
Assine grátis a melhor newsletter sobre agronegócios do Brasil