MERCADO

Milho: cotações recuam quase 8% em uma semana

Necessidade de escoar estoques para a entrada da segunda safra e afastamento dos compradores justificam a queda, segundo o Cepea

Fonte: Pexels

A maior oferta interna de milho mantém os preços do cereal em queda em todas as praças acompanhadas pelo Cepea. No geral, a colheita da segunda safra de milho começou aos poucos em algumas regiões do Centro-Oeste, Sudeste e Sul do país.

Assim, parte dos vendedores consultados pelo Cepea tenta escoar os estoques, visando liberar espaço para a entrada da segunda safra. Muitos compradores, no entanto, estão afastados do mercado, à espera do avanço da colheita.

Na região consumidora de Campinas (SP), o Indicador Esalq/BM&FBovespa recuou expressivos 7,46 % em sete dias, fechando a R$ 40,04 a saca de 60 kg, na sexta-feira, dia 15.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Assine grátis a melhor newsletter sobre agronegócios do Brasil