Início » Notícias da Agropecuária » Notícias » Ibama multa produtor que criava ‘javaporcos’ em Mato Grosso

IRREGULAR

Ibama multa produtor que criava ‘javaporcos’ em Mato Grosso

Reprodução do javali em cativeiro, mesmo que o cruzamento ocorra com espécie doméstica, não é permitida sem parecer técnico e licença

16 de agosto de 2019 às 12h37
Por Canal Rural
javaporco Ibama

Foto: Ibama/divulgação

Uma ação do Ibama em Canarana, no leste de Mato Grosso, resultou na identificação de 30 “javaporcos”, animais nascidos a partir do cruzamento de porcos domésticos com javalis, em uma propriedade no município. O dono da fazenda recebeu a determinação de abater os animais no prazo de cinco dias e foi autuado em R$ 8 mil.

Segundo o Ibama, a reprodução do javali em cativeiro, mesmo que o cruzamento ocorra com espécie doméstica, não é permitida sem parecer técnico oficial favorável e licença da autoridade ambiental competente.

O javali (Sus scrofa) é uma espécie nativa da Europa, da Ásia e do norte da África. O animal é classificado como uma das cem piores espécies exóticas invasoras do mundo pela União Internacional de Conservação da Natureza.

O Ibama reforça que a agressividade e facilidade de adaptação dessa espécie, associadas à ausência de predadores naturais, causam uma série de impactos ambientais e socioeconômicos, principalmente para pequenos agricultores.
Nova call to action

1 comentário

  1. augusto de almeida em 16 de agosto de 2019 às 12:41

    Isso é pura maldade com o coitado do produtor, essa espécie está alastrado em nosso Estado, não se tem essa informação de que é proibido a criação desse javaporco, inclusive o Governo vendia reprodutores e estimulava esta atividade.

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Notícias » Ibama multa produtor que criava ‘javaporcos’ em Mato Grosso

IRREGULAR

Ibama multa produtor que criava ‘javaporcos’ em Mato Grosso

Reprodução do javali em cativeiro, mesmo que o cruzamento ocorra com espécie doméstica, não é permitida sem parecer técnico e licença

16 de agosto de 2019 às 12h37
Por Canal Rural
javaporco Ibama

Foto: Ibama/divulgação

Uma ação do Ibama em Canarana, no leste de Mato Grosso, resultou na identificação de 30 “javaporcos”, animais nascidos a partir do cruzamento de porcos domésticos com javalis, em uma propriedade no município. O dono da fazenda recebeu a determinação de abater os animais no prazo de cinco dias e foi autuado em R$ 8 mil.

Segundo o Ibama, a reprodução do javali em cativeiro, mesmo que o cruzamento ocorra com espécie doméstica, não é permitida sem parecer técnico oficial favorável e licença da autoridade ambiental competente.

O javali (Sus scrofa) é uma espécie nativa da Europa, da Ásia e do norte da África. O animal é classificado como uma das cem piores espécies exóticas invasoras do mundo pela União Internacional de Conservação da Natureza.

O Ibama reforça que a agressividade e facilidade de adaptação dessa espécie, associadas à ausência de predadores naturais, causam uma série de impactos ambientais e socioeconômicos, principalmente para pequenos agricultores.
Nova call to action

1 comentário

  1. augusto de almeida em 16 de agosto de 2019 às 12:41

    Isso é pura maldade com o coitado do produtor, essa espécie está alastrado em nosso Estado, não se tem essa informação de que é proibido a criação desse javaporco, inclusive o Governo vendia reprodutores e estimulava esta atividade.

Deixe um Comentário





Mais Notícias