TENDÊNCIA

Com menor oferta, valor do mamão sobe 24% em uma semana

A melhor qualidade, por conta dos menores volumes de chuva, também favoreceu a valorização da fruta

Fonte: Pixabay

As cotações do mamão havaí subiram em todas as regiões produtoras na semana passada, com destaque para o norte do Espírito Santo, onde a variedade foi comercializada a valores 24% superiores aos da semana anterior, de acordo com dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

Isso ocorreu devido à menor disponibilidade da fruta. Assim, apesar da demanda enfraquecida com a proximidade do fim de mês, as cotações estiveram em patamares firmes em todas as regiões acompanhadas pelo a entidade.

A melhor qualidade da fruta, por conta dos menores volumes de chuva, também favoreceu a valorização. Houve, ainda, relatos de que os preços elevados no mercado interno, vinculados à menor produção, foram responsáveis pela contenção das exportações.

Como o volume de havaí deve continuar restrito no Brasil, cotações mais elevadas ou nos atuais patamares são esperadas nas próximas semanas.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *