MÁQUINAS EM CAMPO

Colheita da 2ª safra de milho atinge 74% da área no Centro-Sul

De acordo com levantamento da consultoria AgRural, operações estão atrasadas em comparação com a temporada passada, quando somavam 83% nesta época

milho
Foto: Canal Rural

A colheita da segunda safra de milho de 2018 atingiu 74% da área plantada no Centro-Sul do Brasil até a quinta-feira, dia 9, informou a consultoria AgRural nesta sexta-feira, dia 10. O resultado representa avanço de 11 pontos percentuais em relação aos 63% registrados na semana anterior.

Os trabalhos estão atrasados, se comparados aos 83% de um ano atrás. Porém, o patamar atual está em linha com a média de cinco anos.

“As chuvas que estavam previstas para o Paraná e que fizeram os produtores acelerarem as máquinas na semana passada se confirmaram, reduzindo o ritmo dos trabalhos nesta semana”, comenta a consultoria em nota.

Até quinta, 56% da área de milho segunda safra estava colhida no estado, ante 45% uma semana antes e 78% há um ano. A AgRural afirma que, por causa da chuva, as colheitadeiras estão paradas e devem voltar a campo somente quando a umidade cair.

A chuva também atrapalhou os produtores de Mato Grosso do Sul, onde a colheita chegou a 46% da área – ainda longe dos 69% do ano passado.

Em Mato Grosso, 96% da área foi colhida, índice dentro da média de cinco anos e apenas três pontos porcentuais inferior aos 99% obtida em igual período de 2017. Em Goiás, as máquinas passaram por 69% da área cultivada com o cereal. Ainda há atraso em relação ao ano passado, quando 83% da área já estava colhida.

Em Minas Gerais, 63% do milho foi colhido, ante 75% há um ano. Em São Paulo, 61% da área foi colhida, ante 35% no ano passado, quando os trabalhos foram mais lentos que o normal.

Colheita da segunda safra de milho atinge 44,5% em Mato Grosso do Sul

Santa Catarina: conheça a nova rota de importação de milho


Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *