LEVANTAMENTO

Arroz: Irga estima colheita de 97% da área no RS e Emater, 99%

Volume retirado do campo até agora alcança 8,209 milhões de toneladas, de acordo com Instituto Rio Grandense do Arroz 

Fonte: Pexel

A colheita da safra de arroz 2017/2018 no Rio Grande do Sul está na reta final. Levantamento do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), divulgado nesta quinta-feira, dia 17, mostra que da área semeada, de 1,07 milhão de hectares, 1.034.486 hectares foram colhidos, ou 96,6% do total. O volume retirado do campo até agora alcança 8,209 milhões de toneladas. A produtividade média é de 7.936 quilos por hectare. 

Segundo o Irga, a região da Planície Costeira Externa tem os trabalhos mais adiantados, com 99,3% da área colhida, e produtividade média de 6.819 kg/ha. Em seguida vem a região de Fronteira Oeste, com 98,9% e produtividade média de 8.520 kg/ha; Planície Costeira Interna com 97,6% e 7.382 kg/ha; Zona Sul, com 95,6% e 8.229 kg/ha. Na região Central, a área colhida atinge 93,6%, com produtividade média de 7.851 kg/ha. Por último está a região de Campanha, com 93,1% colhidos e 7.943 kg/ha, em média. “As próximas chuvas não serão de grande volume e não devem atrapalhar a colheita, que deve acabar na próxima semana”, disse Jossana Cera, consultora em agrometeorologia do Irga.

A Emater, que divulga todas as quintas-feiras seus relatórios de safra, estimou hoje que a colheita do arroz no estado está mais adiantada, restando cerca de 1% da área ainda a colher. A estimativa quanto à produtividade é menos otimista que a do Irga. A avaliação é de que as lavouras terão rendimento médio de 7.500 quilos por hectare. 

Conforme a empresa, a comercialização da safra gaúcha é lenta. Nesta semana, o preço médio do arroz é de R$ 35,81 por saca.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *