Início » Notícias da Agropecuária » Notícias » Agricultura » Soja » Moratória da soja: produtores legalizados relatam vendas travadas no Pará

ENTRAVES

Moratória da soja: produtores legalizados relatam vendas travadas no Pará

Segundo eles, mesmo apresentando os documentos exigidos pelo Código Florestal para produção no bioma amazônico, tradings não estão fechando negócios

07 de novembro de 2019 às 15h33
Por Canal Rural

A moratória da soja está dificultando a comercialização do grão produzido no bioma amazônico. Segundo produtores do Pará, mesmo apresentando a documentação exigida no Código Florestal, as tradings não querem fazer negócio.

Benedito Rosa, ex-secretário de Política Agrícola e comentarista do Canal Rural, afirma que o produtor cumpre com as suas obrigações, mas isso não basta. “Nossos inimigos não estão só dentro do Brasil. A atitude de governantes da Europa, diante dos episódios [de queimadas] na Amazônia, repercutiu de forma negativa e prejudicou a produção”, afirma.

O presidente da Aprosoja local, Vanderlei Ataídes, comenta que o produtor precisa se atentar à documentação necessária. “Temos muitas áreas para produzir e o impacto [se não tiver os documentos] é muito ruim para o produtor”, diz.

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Notícias » Agricultura » Soja » Moratória da soja: produtores legalizados relatam vendas travadas no Pará

ENTRAVES

Moratória da soja: produtores legalizados relatam vendas travadas no Pará

Segundo eles, mesmo apresentando os documentos exigidos pelo Código Florestal para produção no bioma amazônico, tradings não estão fechando negócios

07 de novembro de 2019 às 15h33
Por Canal Rural

A moratória da soja está dificultando a comercialização do grão produzido no bioma amazônico. Segundo produtores do Pará, mesmo apresentando a documentação exigida no Código Florestal, as tradings não querem fazer negócio.

Benedito Rosa, ex-secretário de Política Agrícola e comentarista do Canal Rural, afirma que o produtor cumpre com as suas obrigações, mas isso não basta. “Nossos inimigos não estão só dentro do Brasil. A atitude de governantes da Europa, diante dos episódios [de queimadas] na Amazônia, repercutiu de forma negativa e prejudicou a produção”, afirma.

O presidente da Aprosoja local, Vanderlei Ataídes, comenta que o produtor precisa se atentar à documentação necessária. “Temos muitas áreas para produzir e o impacto [se não tiver os documentos] é muito ruim para o produtor”, diz.

Deixe um Comentário





Mais Notícias