EXPECTATIVA

Safra de grãos deve atingir 229,5 milhões de toneladas, diz Conab

Houve um acréscimo de 1,5% na produção em relação ao mês anterior, mas queda de 3,4% na comparação com o ano passado

Fonte: Canal Rural

O Brasil deverá colher no ciclo 2017/2018 uma produção de 229,5 milhões de toneladas de grãos e seguir com a estimativa de segunda maior safra da história. A projeção realizada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) foi publicada nesta terça-feira, dia 10.

Apesar do decréscimo de 3,4% em comparação à safra passada, que chegou a 237,7 milhões de toneladas, o número é ainda bastante elevado, se considerada a média de produção no Brasil em condições atmosféricas normais. Em relação ao mês de março, por exemplo, a estimativa de safra este mês mostrou uma elevação de 3,5 milhões de toneladas (1,5%).

A boa estimativa deve-se ao resultado do avanço da colheita da soja e do milho primeira safra, que vem confirmando boas produtividades, e uma perspectiva maior de área para o cereal de segunda safra. Já a produtividade recorde da safra passada, que foi beneficiada por um excelente clima, não se repetiu agora, mesmo com a situação climática considerada boa na maioria das regiões produtoras.

Soja
A soja é a maior responsável pelo desempenho exemplar da produção. A oleaginosa deve alcançar 114,9 milhões de toneladas, contra 113 milhões de toneladas da estimativa de março. Na safra 2016/2017, a produção do grão atingiu 114,07 milhões de toneladas.

Se confirmada a estimativa, o Brasil deverá colher uma safra recorde.

Milho
A produção total de milho deve chegar a 88,6 milhões de toneladas. Há uma expectativa de diminuição de safra de 9,4% em relação ao ciclo anterior, que chegou a 97,8 milhões de toneladas.

A primeira safra do cereal deverá atingir 25,6 milhões de toneladas, contra 30,4 milhões de toneladas no ciclo 2016/2017, queda de 16%. Já a segunda safra pode chegar em 63,01 milhões de toneladas, contra 67,3 milhões de toneladas do ano passado. A expectativa de redução na produção é de 6,5%.

Algodão
Além da soja, um dos grandes destaques ficou para o algodão. A produção da pluma deve sair de 1,5 milhão de toneladas no ano anterior para 1,8 milhões de toneladas, com incremento de 21,8% na safra.

Para o caroço, são esperados uma produção de 2,7 milhões de toneladas neste ciclo, contra 2,2 milhões de toneladas do ano passado. A alta na safra é de 21,5%.

Arroz
A expectativa da Conab é de produção de 11,3 milhões de toneladas, contra 12,3 milhões de toneladas, queda de 7,7%. Para o arroz sequeiro, a redução deve ser de 3,1% e para o irrigado, 8,2%.

Confira o relatório completo aqui.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *