Início » Notícias da Agropecuária » Notícias » Agricultura » Cana » Etanol de milho: produção no Centro-Oeste deve crescer 62%, diz Conab

PROJEÇÃO

Etanol de milho: produção no Centro-Oeste deve crescer 62%, diz Conab

Brasil deverá produzir nesta safra 31,6 bilhões de litros de etanol provenientes da cana e do milho, queda de 4,6% em relação à safra passada

22 de agosto de 2019 às 12h14
Por Agência Brasil
Lavoura de milho segunda safra, em Querência, Mato Grosso

Foto: Pedro Silvestre/Canal Rural

O Brasil deverá produzir nesta safra 31,6 bilhões de litros de etanol, queda de 4,6% em relação ao ciclo passado. Deste total 30,3 bilhões de litros devem ser produzidos a partir da cana-de-açúcar e 1,35 bilhão de litros a partir do milho. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira, 22, pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)

Fonte: Conab

A entidade informou ainda que o milho vem assumindo um papel de destaque na produção do combustível no país. Segundo a companhia, o Centro-Oeste é a região que mais usa o cereal para fazer etanol, com expectativa de produção de 1,27 bilhão de litros, representando crescimento de 62,4% em relação à safra passada.

Segundo a Conab, a produção de etanol anidro, usado na mistura com a gasolina, deve chegar a 10,5 bilhões de litros, ou seja, 12,6% a mais que em 2018/2019. No caso do hidratado, vendido nos postos de combustíveis, a tendência é redução de 14,1%, em relação à safra passada, chegando a 19,8 bilhões de litros.

 

Açúcar

Os dados do levantamento indicam ainda que a produção de açúcar deverá alcançar 31,8 milhões de toneladas este ano, um aumento de 9,5%. No plantio da cana, o levantamento aponta um acréscimo de 0,3% na produção em relação à safra passada, chegando a 622,3 milhões de toneladas. Em compensação, a área colhida está estimada em 8,38 milhões de hectares, uma diminuição de de 2,4%.

Nova call to action
;

Deixe um Comentário





Início » Notícias da Agropecuária » Notícias » Agricultura » Cana » Etanol de milho: produção no Centro-Oeste deve crescer 62%, diz Conab

PROJEÇÃO

Etanol de milho: produção no Centro-Oeste deve crescer 62%, diz Conab

Brasil deverá produzir nesta safra 31,6 bilhões de litros de etanol provenientes da cana e do milho, queda de 4,6% em relação à safra passada

22 de agosto de 2019 às 12h14
Por Agência Brasil
Lavoura de milho segunda safra, em Querência, Mato Grosso

Foto: Pedro Silvestre/Canal Rural

O Brasil deverá produzir nesta safra 31,6 bilhões de litros de etanol, queda de 4,6% em relação ao ciclo passado. Deste total 30,3 bilhões de litros devem ser produzidos a partir da cana-de-açúcar e 1,35 bilhão de litros a partir do milho. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira, 22, pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)

Fonte: Conab

A entidade informou ainda que o milho vem assumindo um papel de destaque na produção do combustível no país. Segundo a companhia, o Centro-Oeste é a região que mais usa o cereal para fazer etanol, com expectativa de produção de 1,27 bilhão de litros, representando crescimento de 62,4% em relação à safra passada.

Segundo a Conab, a produção de etanol anidro, usado na mistura com a gasolina, deve chegar a 10,5 bilhões de litros, ou seja, 12,6% a mais que em 2018/2019. No caso do hidratado, vendido nos postos de combustíveis, a tendência é redução de 14,1%, em relação à safra passada, chegando a 19,8 bilhões de litros.

 

Açúcar

Os dados do levantamento indicam ainda que a produção de açúcar deverá alcançar 31,8 milhões de toneladas este ano, um aumento de 9,5%. No plantio da cana, o levantamento aponta um acréscimo de 0,3% na produção em relação à safra passada, chegando a 622,3 milhões de toneladas. Em compensação, a área colhida está estimada em 8,38 milhões de hectares, uma diminuição de de 2,4%.

Nova call to action
;

Deixe um Comentário





Mais Notícias