Leite nacional não consegue competir com importado

O custo de produção de leite cresceu bastante em 2016, impulsionado pelo preço da soja e do milho. Uma realidade que significa menor competitividade no mercado e, consequentemente, queda na renda do produtor rural. De acordo com o secretário-executivo do Sindilat, Darlan Palharini, o leite brasileiro não consegue competir com o baixo preço do leite […]

O custo de produção de leite cresceu bastante em 2016, impulsionado pelo preço da soja e do milho. Uma realidade que significa menor competitividade no mercado e, consequentemente, queda na renda do produtor rural. De acordo com o secretário-executivo do Sindilat, Darlan Palharini, o leite brasileiro não consegue competir com o baixo preço do leite em pó que vem do Uruguai e da Argentina.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *