Kátia Abreu comenta visita do primeiro-ministro chinês

A terça foi movimentada em Brasília (DF) com a visita do primeiro-ministro chinês, Li Keqiang. Os acordos bilaterais assinados hoje somam mais de 53 bilhões de dólares. No encontro, o país asiático suspendeu as exportações de uma planta produtora de aves, que estava proibida de negociar com a China há mais de dois anos. De […]

A terça foi movimentada em Brasília (DF) com a visita do primeiro-ministro chinês, Li Keqiang. Os acordos bilaterais assinados hoje somam mais de 53 bilhões de dólares. No encontro, o país asiático suspendeu as exportações de uma planta produtora de aves, que estava proibida de negociar com a China há mais de dois anos. De acordo com o governo brasileiro, os chineses se comprometeram a habilitar mais de 17 plantas: nove de carne bovina, sete de aves e uma de suínos. A expectativa é que isso ocorra a partir do próximo mês.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *